Arquivos

Profissão: Dicas para quem deseja se tornar um fotógrafo profissional

Deseja saber quais as dicas para se tornar um fotógrafo profissional: A resposta não é uma câmera de última geração ou um amplo equipamento fotográfico super caro. Para ser fotógrafo profissional, você precisa de talento, experiência, visão de negócios e, acima de tudo, um curso de formação.

Você está pensando seriamente nisso? Bem, neste artigo vamos ajudá-lo a decidir. Vamos te dizer o que você deve levar em consideração ao dar este passo, as etapas pelas quais passará. Vamos começar?

Fotógrafo profissional x fotógrafo de qualidade

Quando falamos em ser fotógrafo profissional, queremos dizer ganhar a vida fazendo apenas esse trabalho, seja realizando trabalhos como ensaio gestante zona leste em sua cidade, ensaios debutantes, casamentos, entre outros. É necessário esclarecer isso porque muitas vezes um fotógrafo profissional está associado a um fotógrafo de qualidade, e são atributos completamente diferentes.

Você pode ser um fotógrafo que tira fotos de muito boa qualidade sendo um amador, sem ter que se dedicar profissionalmente à fotografia. E você também pode ser um fotógrafo profissional, e que suas fotos não sejam de qualidade… O importante é que as duas coisas não se confundam como a mesma.

Fases de conversão do fotógrafo profissional

Existem vários estágios pelos quais uma pessoa geralmente passa antes de se tornar um fotógrafo profissional. Você não pode comprar uma câmera e decidir naquele momento que vai se dedicar à fotografia profissional, pois deve primeiro passar por várias fases intermediárias.

Vamos vê-los um por um para descobrir em que estágio do fotógrafo você está:

Fase 1: O descobrimento

É a etapa em que temos nosso primeiro contato com o mundo da fotografia. Geralmente coincide com o momento em que você compra sua primeira câmera digital  e começa a experimentá-la.

Como se fosse uma fase de paixão, você começa a sentir como a paixão pela fotografia começa a crescer dentro de você e percebe como você melhora a cada dia descobrindo novas funcionalidades.

Fase 2: Fotógrafo amador

Esta fase é a do iniciante. Você parou de usar o modo automático da câmera e já tem alguma confiança em configurar os parâmetros da câmera para diferentes tipos de fotografia, como paisagem ou retrato.

Você costuma levar sua câmera em eventos ou viagens especiais e já começou a expandir seu equipamento com um bom tripé, várias lentes e eventual acessório.

Fase 3: Fotógrafo esporádico

Essa etapa já está um pouco mais avançada. Você já é fotógrafo amador há alguns anos e aproveitou ao máximo sua primeira câmera. Na verdade, você provavelmente já comprou uma câmera de última geração e tem algumas lentes e alguns acessórios.

Você já está começando a ser o fotógrafo oficial dos eventos importantes de sua família e amigos e já começou a organizar suas próprias sessões de fotos. A fotografia fornece renda, mas você ainda tem seu outro emprego estável. Você está presente nas redes sociais ou até mesmo em um site onde pode enviar seu trabalho.

Fase  4: Fotógrafo Semi-Profissional

Aqui já se dedica à fotografia, sendo esta a sua principal fonte de receitas. Você tem um estudo e / ou um site muito elaborado, presença em redes e um plano de marketing eficiente. Da mesma forma, você tem um plano de negócios sólido e se administra de forma eficaz.

Agora você tem certa imagem e reputação entre os fotógrafos do seu ambiente e as pessoas estão começando a procurá-lo para pedir orçamentos para sessões de fotos. Seu equipamento fotográfico é muito amplo e de qualidade, você sempre aproveita para investir em novos materiais que melhoram ainda mais a qualidade do seu trabalho.

Fase 5: Fotógrafo profissional

Esta é a fase do fotógrafo estabelecido, o qual ganha dinheiro com o seu trabalho e possui uma fonte de renda que permite a dedicação somente a esse trabalho. Para chegar aqui, são necessários anos de experiência como fotógrafo semiprofissional.

Você sabe que chegou a esse estágio em que tem tanto trabalho e tantas pessoas ligam para você que não consegue dar conta. Na verdade, você pode ser forçado a contratar outros fotógrafos para cobrir tudo.

Na hora de montar o seu estúdio, a loja Mobly é confiável e possui itens com ótimas ofertas. Sempre realize pesquisas antes de comprar os materiais de trabalho, móveis e equipamentos para seu estúdio, além do preço é preciso levar em consideração a qualidade dos materiais.

6 necessidades básicas de um futuro fotógrafo profissional

# 1. Conhecimento Fotográfico

Nem sempre é necessário, mas será bom para você adquirir todo o conhecimento fotográfico que puder. Se você comprou uma câmera nova, talvez a primeira coisa que deva fazer seja ler (e mais de uma vez) o manual do usuário. É a melhor opção para conhecer a fundo tudo o que sua câmera é capaz (e como fazer).

Depois, você pode se inscrever em um curso de fotografia presencial (se tiver tempo para investir), ou optar por um treinamento autodidata nas horas vagas.

# 2. Criatividade infinita

Você não pode ter sucesso como fotógrafo se não tiver o dom da criatividade. A curiosidade em aprender novas técnicas e experimentar deve ser algo inato em você. Uma personalidade rígida e fechada geralmente não é a de um artista contemporâneo ou de um fotógrafo profissional.

Ouse quebrar as regras, busque novas perspectivas e não perca o interesse em explorar a arte em suas diversas formas e expressões. Ver as obras de outros fotógrafos, pintores ou cineastas, por exemplo, é algo que deve estar presente na vida de um fotógrafo. Só então você pode evoluir como profissional e encontrar seu próprio estilo que o diferencia dos demais.

# 3. Visão para Negócios

Isso mesmo, ser um bom fotógrafo vai significar apenas 50% do seu trabalho. Os outros 50% do trabalho são para ser um bom empresário. Isso é algo que você deve assumir desde o início, a menos que deixe a papelada nas mãos de outra pessoa e delegue essas tarefas.

Se você quer se dedicar à fotografia profissional, sua parte apaixonada e racional terá que trabalhar em equipe para conseguir um negócio lucrativo . E isso vai implicar uma boa gestão e, sobretudo, lidar com as pessoas. Você vai ter que conversar muito e com muitas pessoas diferentes, então o dom das pessoas e a inteligência para saber se vender serão qualidades essenciais para o sucesso.

# 4. Estudo de trabalho

Isso dependerá do tipo de fotografia que você deseja tirar. Se você vai se dedicar à fotografia de eventos sociais como casamentos, não precisa de um local específico para tirar suas fotos. No entanto, se você quiser ser um fotógrafo de estúdio, precisará de um local.

# 5. Investimento Constante

Dissemos a você no início que uma boa câmera não faz de você automaticamente um bom fotógrafo. Porém, ser fotógrafo profissional significa estar atento às novas tendências e demandas do mercado.

Este trabalho significará um investimento constante em novos materiais de maior qualidade ou maior versatilidade. As sessões que vão surgindo serão a desculpa perfeita para adquirir novos equipamentos e facilitar a tarefa ou melhorar os resultados.

# 6. Equipamento de Desenvolvimento e Edição

Não devemos esquecer que a fotografia digital envolve desenvolvimento digital . Mesmo se você não for um amigo do retoque de fotos, você deve ter pelo menos um computador ou dispositivo onde possa despejar e revelar suas imagens.

Se você também deseja editar suas capturas ou retocá-las, você precisará de conhecimentos básicos de programas de edição, como Adobe Lightroom ou Adobe Photoshop. Embora existam alternativas muito boas que você também deve conhecer.