Arquivos

Clareamento dental: tudo o que você precisa saber sobre

Assim como o próprio nome diz, o clareamento dental é um procedimento odontológico estético que visa clarear os dentes. 

Existem formas diferentes de realizar o tratamento e alcançar seu resultado, de modo a conseguir um sorriso bonito e saudável. Inclusive, esse tratamento também exige cuidados para dar longa vida útil ao tratamento e à saúde do sorriso.

O clareamento dental tem sido um procedimento muito procurado nos consultórios odontológicos devido a sua praticidade e eficiência ao deixar o sorriso até sete vezes mais branco, o que contribui muito com a autoestima.

Isso porque os dentes manchados ou amarelados costumam incomodar as pessoas que desejam ter um sorriso branco e bonito, afetando a saúde mental dos pacientes.

Portanto, o clareamento dental é um tratamento muito indicado por diversos motivos.

Feitos com produtos à base de peróxido de hidrogênio, o clareamento consegue desintegrar as moléculas pigmentadas, deixando o dente mais claro. 

É importante ressaltar que a superfície do dente não é a única região atingida pelo procedimento, isso porque as gengivas também podem ser afetadas e, por isso, necessitam de uma atenção especial e proteção no momento do tratamento.

Isso acontece porque o gel é muito forte e pode provocar queimaduras na gengiva, fazendo com que haja a necessidade de preservar/proteger esse tecido.

Ao abordar sobre quanto custa um clareamento dental, é preciso destacar que ele pode variar bastante, considerando o aspecto dental, a necessidade e especificidade do paciente, bem como o procedimento usado e localização da clínica.

Por que fazer um clareamento dental?

Inicialmente, pode parecer uma pergunta fácil, mas a aparência dos dentes estão relacionadas a questões do corpo e mente humano.

Dentes deteriorados, manchados e amarelados podem causar uma baixa autoestima e confiança, o que pode atrapalhar a saúde emocional e a confiança para se relacionar com as outras pessoas.

Consequentemente, pode haver o impacto nas relações de trabalho, faculdade, escola ou mesmo no convívio de uma forma geral.

Por isso, cuidar da saúde e da estética dos dentes está além de uma pura vaidade. 

Inclusive, outros procedimentos, como o de implante dentário, também são indicados para manter a funcionalidade e harmonia do sorriso no rosto. Mais ainda, os tratamentos podem impactar diretamente na saúde geral da cavidade.

Formas de clareamento dental

Existem duas formas de fazer o clareamento dental, a laser e com a utilização da moldeira. 

A escolha de qual é a melhor fica a critério do paciente e do profissional, mas existem diferenças entre ambas que podem influenciar significativamente na decisão.

O clareamento dental a laser é um procedimento feito pelo dentista no consultório odontológico. Dura cerca de 60 minutos e pode deixar os dentes até sete vezes mais brancos. 

Para isso, o profissional coloca o gel clareador nos dentes, protege as gengivas e, com um laser, ativa o efeito para clarear a arcada dentária. As vantagens desse clareamento se dá pela rapidez do processo e eficiência no resultado.

Já o clareamento dental com moldeira pode ser feito em consultório ou pelo próprio paciente, em casa.

Com um molde impresso por uma Impressora 3D, o paciente deve colocar a moldeira na arcada dentária diariamente. Esse procedimento pode durar até 24 dias e, mesmo em casa, deve ser feito com supervisão do dentista.

Como prolongar o resultado do clareamento dental

O clareamento dental pode ter seu efeito por cerca de dois anos, mas isso dependerá da forma que o paciente cuidar de sua saúde bucal. Isso porque hábitos de higiene e alimentação podem ser determinantes para ter dentes brancos por mais tempo.

Portanto, existem algumas restrições e cuidados para a alimentação envolvendo alimentos açucarados e altamente pigmentados. 

Os alimentos que possuem muita cor, caso sejam consumidos com muita frequência, também podem mudar a coloração dos dentes, além de poderem provocar manchas.

Ao considerar a acidez de alguns desses alimentos, como o tomate, há mais facilidade de adesão dos pigmentos na porosidade que é favorecida no esmalte por conta do ácido.

Com isso, para quem deseja ter os dentes brancos por mais tempo e prolongar os efeitos do clareamento dental, é necessário evitar:

  • Refrigerantes;
  • Café;
  • Balas;
  • Chocolates;
  • Chicletes;
  • Beterraba.

Isso vale não só para o clareamento dental, como também para quem fez o procedimento de lente de contato dental

Quanto à higienização bucal, ela é ainda mais importante, pois é com ela que as bactérias que corrompem o esmalte do dente são retiradas. 

Com uma rotina de escovação correta, uso de enxaguante e fio dental, os dentes ficarão prevenidos de danificação em sua coloração ou doenças.

Portanto, é necessário escovar os dentes com uma escova de cerdas macias e utilizando apenas a quantidade necessária de creme dental. A escovação deve acontecer três vezes por dia ou ao final de cada refeição. 

Isso vale, principalmente, para quem faz uso de aparelho dental invisivel, pois, com ele, os resíduos de alimentos presos nos dentes podem ficar em maior evidência, causando uma aparência desagradável do sorriso.

Além da rotina de limpeza bucal, os pacientes devem ir ao dentista a cada seis meses para o profissional acompanhar como vai a saúde bucal, retirar o tártaro preso nos dentes e injetar o flúor para fortalecer o esmalte do dente.

Assim, é possível alcançar ainda mais beleza e saúde para o sorriso e a cavidade oral como um todo, manutencionando de forma adequada os tratamentos realizados.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe da Vue Odonto, uma rede especializada em atendimento odontológico com enfoque na humanização.